O projeto Dourozone – Exposição ao ozono das vinhas da Região Demarcada do Douro em clima presente e futuro –, financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia, avaliou o risco de exposição ao ozono das vinhas da Região Demarcada do Douro, em clima presente e futuro.

A compilação e análise dos resultados, obtidos com recurso à modelação numérica, resultou na elaboração deste Atlas digital, com informação para a Região Demarcada do Douro, que permite avaliar o impacte de alterações climáticas, quer no que diz respeito a indicadores meteorológicos/climáticos, quer a indicadores bioclimáticos e de qualidade do ar. O Atlas inclui informação para o clima presente, de futuro de médio (2050) e de longo (2100) prazo.

Para mais informações consultar: http://dourozone.web.ua.pt